Quarta-feira, 30 de Junho de 2010

Mundial 2010 - Oitavos-de-final

JAPÃO - PARAGUAI

 

O Japão - Paraguai foi o segundo jogo dos oitavos-de-final onde as equipas tiveram que recorrer ao prolongamento (insuficiente), o único em que não se registou qualquer golo no tempo regulamentar, e também foi o único que se decidiu no desempate por penalties até ao momento. Na lotaria dos penalties os paraguaios foram mais felizes e venceram por 5-3. Oscar Cardozo, atacante do Benfica, transformou em golo a grande penalidade que apurou a selecção sul americana para os quartos-de-final. Qualquer uma das duas selecções iria fazer história, pois nunca tinha ultrapassado os oitavos. O Paraguai é o próximo adversário da Espanha.

 

ESPANHA - PORTUGAL

 

Foi um jogo de polémicas, e no fim venceu a Espanha. Um golo de David Villa, colocou a " La Furia Roja ", nos quartos de final. O sonho português morria aos pés dos espanhóis. O minuto 63 foi fatal para as aspirações dos " Navegadores ". Uma jogada bem delineada, bem à imagem do carrossel espanhol, permitiu a Villa bater o guardião Eduardo. Se na primeira tentativa o guarda-redes da nossa selecção ainda se agigantou, na segunda nada pôde fazer. A bola acabou mesmo por bater na barra antes de se anichar nas redes. É no golo espanhol, que entra em cena um das polémicas. O tento dos " Nuestro Hermanos ", foi apontado em fora-de-jogo. Uma daquelas irregularidades quase impossíveis de detectar no momento de decidir. Uma das outras polémicas, surge ainda antes do golo. Carlos Queiroz, seleccionador nacional, decide retirar do jogo Hugo Almeida (a única referência na zona central do ataque português), e colocar em campo o jogador do Zenit, Danny. Este foi um erro gigantesco. Hugo Almeida tinha sido até então, um dos jogadores mais influentes da equipa. Sempre que Portugal criou embaraços na defensiva espanhola, Hugo Almeida esteve lá. Deu muita luta aos centrais adversários. Depois da sua saída, o ataque português estagnou quase por completo. Curioso, ou não, foi o facto de Portugal ter ficado largos minutos sem chegar à baliza de Casillas depois desta substituição. Queiroz errou antes e durante o jogo. Não devia ter lançado Ricardo Costa (não é jogador de selecção) e Pepe de início. A última das polémicas incluiu o capitão Ronaldo. Quando confrontado com os jornalistas, sobre a eliminação portuguesa, respondeu da seguinte maneira : " falem com o Carlos Queiroz ". Atitude lamentável. Perder a braçadeira será sempre muito pouco. Esta não é a atitude mais correcta por parte de um profissional que ostenta a braçadeira de capitão. Está a colocar em causa a autoridade do seu treinador. E, isso, é inadmissível.

tags:

publicado por andre--- às 19:52
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 29 de Junho de 2010

Mundial 2010 - Oitavos-de-final

ESLOVÁQUIA - HOLANDA

 

O jogador do Bayern de Munique, Arjen Robben, que chegou a ter a sua presença no Mundial em risco, devido a uma lesão contraida numa partida de preparação, foi decisivo no embate diante da Eslováquia. Regressou à equipa como titular, e justificou a sua presença no onze inicial com um golo (o primeiro da partida). Além do golo, enquanto esteve em campo, foi sempre um jogador influente. Deu a ideia de ainda não estar a 100 por cento, mas para lá caminha. Apesar de ter ganho pela margem mínima, a Holanda venceu de forma tranquila. Teve sempre o domínio e o controlo do jogo. Os holandeses, tal como os argentinos, são a única formação em prova, que venceram todos os jogos que disputaram até ao momento. A Eslováquia sem grandes argumentos, acusou um pouco as decisões do seu seleccionador, que decidiu recuar Hamsik, que é apenas e só uma das unidades mais importantes desta selecção. O jogador que actuam Itália, ao serviço do Nápoles, jogou como médio mais defensivo, de forma inacreditável. O que levou a equipa a perder criatividade em zonas mais próximas da baliza adversária.

 

BRASIL - CHILE

 

Até ao primeiro golo do Brasil, o Chile fez tudo aquilo que o técnico argentino Marcelo Bielsa tinha planeado. Durante um determinado período, o jogo reuniu algum equilíbrio. Mas depois do golo inaugural, do defesa central da Roma, Juan, o Chile desmoronou quase por completo. A equipa acusou o golo, cometeu erros defensivos e tácticos, e nunca mais se encontrou. Valdivia e Alexis ainda tentaram inverter o resultado, mas foram insuficientes perante o poderio canarinho. O Brasil venceu por 3-0. Grande destaque para o jogador do Benfica, Ramires. Jogou de início no lugar do castigado Felipe Mello. Fez uma boa exibição e foi determinante na jogada do terceiro e último golo, apontado por Robinho. Galgou metros antes de deixar o esférico no jogador do santos, que com um remate de belo efeito, colocou um ponto final nas aspirações da selecção chilena. Muito agurado será um dos jogos dos quartos-de-final, que colocará frente-a-frente : Brasil e Holanda. Quando estas equipas se encontram, o espectáculo está garantido. Assim foi nos mundiais mais recentes. Em 98, nas meias-finais, o Brasil foi mais forte, mas teve de o provar no desempate por penalties, depois de um empate a uma bola no tempo regulamentar. Em 94, a canarinha também foi mais feliz, e venceu a laranja mecânica por 3-2, num jogo dos quartos.

tags:

publicado por andre--- às 17:35
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Junho de 2010

Mundial 2010 - Oitavos-de-final

ALEMANHA - INGLATERRA

 

Um dos jogos cabeça de cartaz dos oitavos, ficou marcado por uma decisão errada. Durante a fase de grupos, as arbitragens foram de grande qualidade. Mas, assim que a competição avançou para a fase das eliminatórias, a qualidade caiu e de que maneira. O exemplo disso, foi o Alemanha - Inglaterra. Numa altura em que a formação inglesa perdia por 2-1, viu a equipa de arbitragem cometer um erro grotesco, o maior da competição até ao momento. Um remate de Frank Lampard passou claramente a linha de golo. Caso tivesse sido validado, a Inglaterra teria chegado ao empate, e a história do jogo poderia ter sido totalmente diferente. Como se costuma dizer : há males que vêm por bem !!! Na sequência deste lance, que muita discussão gerou, a FIFA admitiu a possibilidade de repensar sobre o uso das novas tecnologias para auxilio das equipas de arbitragem. Polémicas à parte, os alemães voltaram a ser mais fortes, nos confrontos com os " Three Lions ", e venceram por 4-1, num bom jogo de futebol (pena o erro crasso). Muller, que foi aposta de Van Gaal no Bayern, foi o melhor em campo. Dois golos e uma assistência. Desilusão no lado inglês. Capello como se sabe tinha colocado a fasquia demasiado alta, quando afirmou que o objectivo era chegar à final. Caso não acontecesse, seria um enorme desilusão. E foi, sobretudo se tivermos em conta as exibições da equipa. Algumas decisões do técnico italiano também são muito discutíveis. No lado germânico o sonho do quarto título mundial contínua bem vivo. O próximo obstáculo chama-se Argentina. Um belo desafio em perspectiva. Na minha opinião vão encontrar as duas melhores equipas da prova até ao momento.

 

 

ARGENTINA - MÉXICO

 

Tal como há quatro anos atrás (Alemanha 2006), argentinos e mexicanos voltaram a cruzar-se nos oitavos. E mais uma vez, a Argentina levou a melhor. O resultado foi bem diferente (2-1 no prolongamento em 2006) e muito mais desnivelado. E, neste duelo, a arbitragem voltou a falhar. O primeiro golo deste desafio, apontado pelo atacante do conjunto de Diego Armando Maradona, Carlos Tevez (bisou), foi obtido em fora-de-jogo. Resultado final : 4-1. A " Albiceleste ", continua firme e confiante. Há um México antes do golo. Um México bem colocado no terreno, com a lição bem estudada, que dava pouco espaço, e ia impedindo a selecção argentina de por em prática aquele seu futebol vistoso. Depois do golo, há um México desolado, menos confiante, desconcentrado, que cometeu erros inadmissíveis num jogo dos oitavos-de-final numa prova de tamanha dimensão. Depois do primeiro golo, o rumo do jogo mudou completamente. Cresceu a Argentina, caiu o México. De salientar o segundo golo da formação sul americana. Um pontapé fenomenal do jogador do Manchester City. Um dos melhores momentos deste Mundial de futebol. Menos vistoso, mas interessante, foi o único golo da formação mexicana neste duelo. Hernandez, jogador que tinha sido contratado pelo Manchester United, muito antes da prova iniciar, marcou o seu segundo (já tinha marcado ante a França) golo no torneio, depois de um lance individual sobre Demichelis. O México também sai de cabeça levantada. Cumpriu a sua missão (passar a fase de grupos). A selecção das " Pampas ", terá pela frente, já no próximo sábado o seu primeiros grande teste neste Campeonato do Mundo : medir forças com a " Mannschaft ".

tags:

publicado por andre--- às 17:50
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 27 de Junho de 2010

Mundial 2010 - Oitavos-de-final

COREIA DO SUL - URUGUAI

 

O sonho dos coreanos terminou nos oitavos-de-final da prova. O Uruguai continua a sonhar com o terceiro título mundial. Uma vitória por 2-1, com um bis do goleador Luís Suárez, colocou a selecção sul americana nos quartos-de-final, onde irá defrontar a equipa africana do Gana. Um erro inacreditável do guarda-redes coreano, logo aos oito minutos de jogo, facilitou a vida à primeira colocada do grupo A, e abriu caminho ao triunfo. Os asiáticos mereciam pelo menos, discutir a eliminatória no prolongamento. Na primeira metade a equipa de Forlán e companhia conseguiu-se superiorizar, muito por culpa daquele tridente ofensivo, composto por : Forlán/Cavani/Suárez. Na segunda metade a Coreia foi uma formação mais audaz, e além de ter conseguido chegar ao empate, conseguiu discutir o jogo. Mas quem conta com jogadores de classe como Suárez, tem mais hipóteses de numa jogada individual, num rasgo de génio, chegar ao golo. E foi o que aconteceu aos 80 minutos. Um remate soberbo do atacante do Ajax, colocou o Uruguai na próxima eliminatória. De referir, que a arbitragem prejudicou as duas selecções.

 

 

ESTADOS UNIDOS - GANA

 

O segundo jogo dos oitavos de final foi bem mais discutido, mais renhido, mais equilibrado, o que obrigou as duas equipas a terem de resolver a questão no prolongamento, e aí, a única formação africana que conseguiu seguir em frente depois da fase de grupos, foi mais forte e, sobretudo eficaz. Os ganeses venceram por 2-1. O golo que selou o triunfo, foi apontado na primeira metade do tempo extra, por  Asamoah Gyan, jogador que actua em França no Rennes. Um dos melhores da equipa, diga-se de passagem. Tem realizado um belo torneio. Os Estados Unidos saem de cabeça erguida. Foram uma das boas surpresas na fase de grupos. Praticaram bom futebol e venceram o grupo, onde se encontrava a Inglaterra, uma das favoritas. No jogo que os colocou diante do Gana, não desiludiram. Estiveram em desvantagem, responderam bem ao golo sofrido e conseguiram igualar. No prolongamento os " Black Stars " foram superiores. Dois dos 23 jogadores norte americanos merecem destaque. London Donovan, a estrela da equipa. E ainda, Michael Bradley, filho do seleccionador. Com este triunfo, o Gana iguala os êxitos dos Camarões (1990) e do Senegal (2002). As únicas selecções que tinham chegado aos quartos-de-final num Mundial de futebol.

tags:

publicado por andre--- às 17:53
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
Directorio de Blogs Portugueses
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
online
SAPO Blogs

.subscrever feeds