Quinta-feira, 30 de Setembro de 2010

A maldição germânica

BENFICA CONTINUA SEM VENCER NA ALEMANHA

 

CHAMPIONS LEAGUE - 2ª JORNADA/GRUPO B

 

SCHALKE 04 - BENFICA

 

Os encarnados deslocaram-se até a Alemanha para medirem forças com um emblema germânico, e pela décima oitava vez, não foram capazes de vencer naquele país. Ontem, na arena de Gelsenkirchen, perderam (décima segunda derrota) por 2-0 frente ao Schalke 04, com golos de Farfán e Huntelaar (jogador holandês com o qual Jorge Jesus sonhou ter no seu plantel). Com quatro partidas por disputar, tudo está em aberto no grupo B. Os próximos dois encontros, ambos frente ao clube gaulês, vão ser determinantes para as aspirações do campeão nacional, rumo aos oitavos-de-final da prova.

 

Mais perto da próxima fase parece estar o Lyon (que curiosamente, a nível interno, atravessa um péssimo momento), que venceu por 3-1, em Israel, o Hapoel. O conjunto francês lidera o agrupamento com seis pontos. O destaque do encontro foi o internacional brasileiro Michell Bastos, que bisou (o segundo golo é monumental) no jogo. O desafio foi resolvido pelos homens da casa nos últimos vinte minutos. O conjunto alemão terminou pela primeira vez esta temporada, um encontro sem sofrer qualquer golo.

 

A equipa de Jorge Jesus só não pontuou na segunda jornada da liga milionária por culpa própria. A falta de pontaria de Saviola, e dois erros defensivos deitaram tudo a perder, e a tradição manteve-se : o Benfica não ganha em solo germânico ! O primeiro golo do desafio surgiu aos 73 minutos por Farfán. César Peixoto além de não conseguir evitar que a bola chegasse ao jogador peruano, ainda lhe deu todo o tempo e espaço do mundo, e este com um remate cruzado bateu Roberto (que evitou de forma espectacular o golo da vantagem alemã ainda na primeira parte).

 

O segundo golo, apontado por Huntelaar, nasce de uma perda de bola de David Luiz em terreno proibido. Raul, antigo capitão e símbolo do Real Madrid, soube conduzir a jogada, deixou na esquerda em Jermanine Jones, que assistiu o atacante holandês à boca da baliza. Péssima exibições de Gaitán (saiu ao intervalo) e de Salvio que entrou no segundo tempo, mas passou ao lado do jogo. Jorge Jesus terá de rever as suas opções atacantes !

tags:

publicado por andre--- às 17:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 29 de Setembro de 2010

Pyatov e Luiz Adriano travaram o Braga

BRACARENSES CAIRAM PARA A ÚLTIMA POSIÇÃO DO GRUPO

 

CHAMPIONS LEAGUE - 2ª JORNADA /GRUPO H

 

BRAGA - SHAKHTAR DONETSK

 

O Sporting de Braga que tentava limpar a má imagem deixada em Londres, diante do Arsenal no jogo da primeira ronda (onde foi goleado por seis a zero), foi surpreendido pela formação ucraniana em pouco mais de trinta e cinco minutos, no seu próprio terreno. A equipa que viajou do leste, venceu por 3-0 (golos obtidos no segundo tempo), com um bis do atacante canarinho, Luiz Adriano. Douglas Costa fechou a contagem na transformação de uma grande penalidade, cometida por Paulo César. O resultado é enganador. O Shakhtar não merecia mais do que um empate.

 

As belas intervenções de Pyatov (guarda-redes dos visitantes), principalmente no segundo tempo, impediram o Braga de chegar ao golo. Com este resultado, os arsenalistas complicaram a passagem à próxima fase da competição. Nesta altura com mais quatro jogos para disputar, o Braga é o último classificado do grupo H (ainda não pontuou). Além de ocupar o último posto deste grupo, já sofreu nove golos e não marcou nenhum . A derrota do Braga não teve só a ver com a excelente exibição do guarda-redes ucraniano, mas com uma série de aspectos que foram surgindo ao longo do jogo.

 

Com o resultado a zeros, há uma falta (perto da grande área) clara sobre Paulo César ainda na primeira parte. O árbitro deixou passar em claro. O primeiro golo da equipa ucraniana é muito consentido pelo guardião do Braga (Felipe). Domingos Paciência também cometeu um erro que foi crucial, quando decidiu retirar do jogo o médio canarinho Leandro Salino, que na minha opinião é um dos jogadores que está em melhor forma, para além de ser o médio mais importante da equipa.

 

Principalmente pela forma como se movimenta pela linha média. Recuperações de bola, cobertura de espaços, equilíbrio táctico (e posicional) e pela forma como transposta a bola nas transições ofensivas. Com a saída de Salino o meio-campo bracarense deixou de ser o mesmo. Um erro tremendo de Domingos. Um desaire que complicou as contas do vice-campeão nacional na prova dos milhões !

tags:

publicado por andre--- às 17:35
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 28 de Setembro de 2010

Os outros destaques da Liga

LIGA ZON SAGRES - 6ª JORNADA

 

ACADÉMICA SALTA PARA A SEGUNDA POSIÇÃO

 

BRAGA - NAVAL

 

Depois de uma derrota no Dragão e um empate (deixou fugir os três pontos nos últimos minutos) na Mata Real, o Braga regressou aos triunfos. A Naval não foi capaz de deter os arsenalistas e perdeu por 3-1. Um resultado e uma exibição que não agradaram ao presidente do emblema da Figueira da Foz, que prescindiu dos serviços do técnico francês, Victor Zvunka. Ao fim de seis jornadas, a Naval 1º de Maio ocupa a décima quinta posição com quatro pontos. Fernando Mira, treinador adjunto, deve comandar os destinos da equipa nos próximas embates.

 

ACADÉMICA - GUIMARÃES

 

Início auspicioso dos estudantes. A formação liderada por Jorge Costa recebeu e bateu o Vitória de Guimarães por 3-1, com três golos de belo efeito - talvez o tento de Sougou tenha sido o melhor da ronda seis. Em Coimbra lutava-se pelo segundo posto. Os estudantes foram mais eficazes num jogo repartido. A diferença de golos pelo que se passou em campo até nem se justifica. Ainda assim, o resultado final aceita-se. A Académica, com onze pontos (os mesmos de Braga e Guimarães), detém o segundo melhor ataque do campeonato com 12 golos - uma média de dois golos por jogo. Bela campanha de Jorge Costa e da sua Académica.

 

PORTIMONENSE - BEIRA-MAR

 

Depois de na última jornada ter perdido o derby algarvio frente ao Olhanense, o conjunto de Portimão regressou aos triunfos (1-0) na recepção ao recém promovido Beira-Mar. O Portimonense alcançou a sua segunda vitória na prova - ambas conseguidas no estádio do Algarve. O resultado é enganador e injusto ! Apesar de ter melhorado bastante no segundo tempo, graças a duas substituições operadas por Litos, os de Portimão não mereciam ter ganho este desafio. Na primeira parte a melhor equipa em campo, foi a de Aveiro. O Beira-Mar fez mais do que o suficiente para ir para o intervalo em vantagem. Nos segundos 45 minutos os algarvios melhoraram e chegaram ao triunfo, através de um golo pouco ortodoxo do venezuelano Pena - jogador emprestado pelo Sporting de Braga.

 

LEIRIA - RIO AVE

 

Esta ronda foi, de certo modo, bastante injusta a nível de resultados finais. Em Leiria, a equipa que merecia ganhar, também não o fez. O Rio Ave fez tudo para obter o seu primeiro triunfo na competição, mas falhou sempre de forma escandalosa no capitulo da finalização. O Leiria a jogar em casa foi completamente manietado. O azar de uns é a sorte de outros. Perto do final, quando já se pensava no empate e na consequente divisão de pontos, eis que caiu do céu uma oportunidade de golo inesperada para a formação da casa - uma grande penalidade. Chamado à conversão, Carlão, goleador que tem andado afastado dos golos, transformou em golo e o União conseguiu a segunda vitória na prova. O Rio Ave, que continua no último lugar e sem ganhar, não merecia este desfecho !

 

SETÚBAL - PAÇOS DE FERREIRA

 

A jornada fechou no Bonfim com uma vitória inteiramente injusta da formação da casa, que viu no seu guarda-redes Diego (defendeu uma grande penalidade), uma das melhores unidades em campo. Claudio Pitbull foi capaz do melhor e do pior. O jogador brasileiro, que já tinha passado pelo clube sadino, apontou o único golo (frango de Cássio) do desafio, mas acabou expulso por uma suposta agressão ao jogador (Javier Cohene) paraguaio do Paços. Obrigando a sua equipa a jogar mais de 15 minutos com dez elementos. Triunfo importante, que permitiu à equipa aumentar para nove pontos. O Paços perdeu assim pela primeira vez esta temporada (de forma injusta), tal como o Guimarães e o Olhanense.

 

GOLO DA JORNADA

 

Sougou - Académica

 

Um remate de meia distância - forte e colocado ! Nilson foi incapaz de o deter.

 

ONZE DE JORNADA

 

Guarda-redes - Diego - Setúbal

Defesa esquerdo - Elderson - Braga

Defesa direito - João Pereira - Sporting

Defesa central - Ricardo Silva - Setúbal

Defesa central - Zé António - Leiria

Médio - Diogo Melo - Académica

Médio - Danilo Dias - Marítimo

Médio - Jumisse - Portimonense

Avançado - Fábio Coentrão - Benfica

Avançado - Vukcevic - Sporting

Avançado - Hulk - Porto

tags:

publicado por andre--- às 17:32
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Setembro de 2010

Mais longe do topo

O LEÃO NÃO CONSEGUIU SEGURAR A VANTAGEM

 

LIGA ZON SAGRES - 6ª JORNADA

 

SPORTING - NACIONAL

 

O Sporting de Paulo Sérgio aumentou para três o número de jogos sem vencer na Liga Zon Sagres e ficou mais longe do primeiro lugar. Em Alvalade, o conjunto leonino não foi além de um empate surpreendente a um golo diante do Nacional da Madeira. Os golos só surgiram no segundo tempo. O Sporting chegou a estar em vantagem com um golo de Carlos Saleiro - pontapé de moinho ! Bela execução técnica do atacante leonino, que havia entrado nos segundos 45 minutos. O Nacional igualou pelo central canarinho Danielson. Uma falha posicional de Nuno André Coelho colocou em jogo o defesa insular, e este não desperdiçou a ocasião.

 

Os madeirenses chegaram ao empate numa das raras oportunidades que tiveram em todo o jogo. Resultado penalizador para a equipa que não conseguiu traduzir num maior número de golos todo o domínio que exerceu sobre o seu adversário. Empate injusto, visto que os visitantes pouco ou nada fizeram para discutir o resultado. Paulo Sérgio surpreendeu ao intervalo, quando decidiu retirar do jogo Liedson. Na minha opinião decidiu bem. O internacional português tem passado ao lado dos últimos jogos. Os seus índices de confiança neste momento não são os melhores, e na maioria das vezes esse factor faz toda a diferença. Incansável, foi o montenegrino Simon Vukcevic - autor de uma extraordinária exibição. Actualmente, nenhum outro jogador consegue criar tantos desequilíbrios na equipa de Paulo Sérgio como ele.

 

Este resultado deixou a equipa de Alvalade a dez pontos da liderança (ocupada pelo Porto de forma exemplar), e num modesto oitavo lugar. Para mim, este Sporting padece de dois problemas sérios : eficácia e consolidação do onze tipo. A equipa só não venceu os últimos dois jogos em casa (Olhanense e Nacional) porque não conseguiu traduzir em golos as diversas ocasiões que dispôs durante os dois desafios. O Sporting criou oportunidades mais do que suficientes para vencer de forma folgada. Ontem, na minha opinião, o Sporting realizou a sua melhor exibição no campeonato e da temporada. Se a equipa tivesse sido eficaz teria ganho por 3/4 golos de diferença.

 

O segundo problema prende-se com o onze inicial. Paulo Sérgio tem lançado quase sempre um onze diferente. Troca diversas vezes um ou outro jogador em relação ao último jogo. Desta forma a equipa tarda em criar rotinas de jogo. Em relação ao sistema táctico, seria interessante ver este Sporting a jogar num 4x3x3. Salomão já mostrou que pode ser útil à equipa e que tem qualidade para jogar mais tempo. Gostava de ver a frente de ataque leonina a ser composta por : Salomão, Vukcevic e Liedson. Penso que daria à equipa outra dinâmica ofensiva - mais liberdade de movimento. O losango torna o jogo demasiado previsível.

tags:

publicado por andre--- às 17:33
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
Directorio de Blogs Portugueses
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
online
SAPO Blogs

.subscrever feeds