Quarta-feira, 20 de Outubro de 2010

Primeira vitória na fase de grupos relança Braga

LIMA ABRIU CAMINHO COM UM GOLAÇO

 

CHAMPIONS LEAGUE - 3ª JORNADA/GRUPO H

 

BRAGA - PARTIZAN

 

Lançado de início por Domingos Paciência na recepção ao Partizan, o atacante brasileiro Lima (carrasco do Sevilha), ex Belenenses, abriu caminho ao primeiro triunfo do vice-campeão nacional da fase de grupos da Liga Milionária. Um livre directo a trinta metros da baliza do velho conhecido Stojkovic (guarda-redes que ainda pertence aos quadros do Sporting), cobrado de forma exemplar, foi preponderante na vitória caseira dos minhotos, que deram um passo importante. O guardião sérvio ainda tocou no esférico, mas de forma insuficiente. Levava mesmo o selo de golo. 

 

Com esta vitória, totalmente justa, os arsenalistas colocaram-se na terceira posição com três pontos. Menos três que a formação ucraniana, e mais três que o Partizan. O triunfo só ficou consumado aos 90 minutos, com um tento de Matheus. No outro jogo do grupo o Arsenal goleou o Shakhtar por 5-1, e ficou practicamente apurado. A luta pelo segundo posto será entre ucranianos e portugueses - como já se previa. Além de continuar na luta pelos oitavos-de-final, este triunfo permitiu também ao clube português chegar à módica quantia de " dez milhões de euros " com a participação na prova.

 

Uma das grandes surpresas da noite foi a aposta de Domingos Paciência num sistema de jogo totalmente diferente daquele em que a equipa vinha adoptando nos últimos tempos. Apesar da vitória, o técnico do Braga não foi muito bem sucedido com a escolha que fez. O Braga iniciou o encontro com quatro jogadores que caris ofensivo : Paulo César/Alan/Matheus/Lima. O meio-campo ficou entregue ao duplo pivot defensivo, composto por Vandinho e Andres Madrid. Sem um médio que fosse capaz de pensar o jogo da equipa, de segurar e gerir a posse de bola, a equipa sentiu sempre muitas dificuldades na zona de criação.

 

As equipas encaixaram uma na outra desde cedo e o equilíbrio foi nota predominante no desafio. O futebol tem destas coisas, o Braga realizou um jogo bem melhor diante do Shakhtar, mas como se viu falhou na finalização e acabou derrota por 2-0. Ontem, sem que se tenha superiorizado ao seu adversáriono sentido da palavra, acabou por ganhar, porque fez dois golos. O Braga é claramente superior, mas não conseguiu demonstrar essa superioridade. Um livre de bola para e um contra-ataque bem desenhado foram responsáveis pelo desequilibrio. A ausência de jogadores como Hugo Viana ou Mossoró retiram qualidade à equipa no último terço do terreno.

tags:

publicado por andre--- às 17:33
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
Directorio de Blogs Portugueses
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
online
SAPO Blogs

.subscrever feeds