Terça-feira, 6 de Outubro de 2009

A perseguição ao líder continua

A sétima jornada da Liga Sagres ficou concluída ontem há noite na Mata Real, com o triunfo do Benfica por 3-1, diante do Paços de ferreira de Paulo Sérgio. Três golos nos primeiros 45 minutos, acabaram por matar um jogo, que se adivinhava bem mais complicado para os encarnados. David Luiz, Carlos Martins e Cardozo (voltou a isolar-se na lista dos melhores marcadores com 8 golos em 7 jogos), fizeram balançar as redes da baliza do guarda redes Brasileiro Cássio. Maykon já na segunda parte, apontou o tento de honra dos castores. Resultado histórico, já que as águias conseguiram o triunfo 1400 na Liga Portuguesa.

 

Com este resultado, o Benfica igualou aquele que era o melhor ataque da Europa : o do Arsenal com 24 golos. Voltou a aumentar a vantagem numérica para os rivais e, continua a perseguir o comandante : Sporting de Braga. Igualou ainda o registo do Benfica versão 99/00, com seis vitórias consecutivas. Na altura a primeira jornada também tinha ditado um empate, só que fora de portas : Vila do Conde. O Alemão Jupp Heynckes era o treinador. Jorge Jesus, somou a sua 100ª vitória na Liga principal.

 

O Paços de Ferreira nunca é um adversário fácil, principalmente quando joga no seu terreno, onde costuma causar sempre grandes problemas a quem se desloca à Mata Real. Foi lá que o Porto perdeu os primeiros pontos, não foi além de um empate a um golo, logo na jornada inaugural. Em Alvalade o Sporting venceu, mas só encontrou o caminho para o golo quando o desafio já se aproximava do seu final. Jogo bastante complicado.

 

No entanto, mal o árbitro apitou para o inicio do encontro, todos esses factores foram perdendo importância no decorrer dos primeiros 45 minutos. Período do jogo em que os encarnados construíram uma vantagem mais que suficiente para poder carimbar mais um triunfo. Nem mesmo as ausências de Maxi Pereira, Aimar ou Di Maria, tiveram importânçia. A entrada a todo gás da equipa da luz foi crucial. Aos 3 minutos já estava na frente com um golo de david Luiz, segundo consecutivo na Liga. Aos 22 minutos, o segundo por Carlos Martins, que regressou ao onze como titular e, até foi um dos melhores enquanto esteve em campo. Vale a pena destacar o terceiro golo da noite. Um livre apontado de forma irrepreensível por Oscar Cardozo. Magistral : o golo da jornada.

 

O jogo da Mata Real teve duas partes completamente distintas. Na primeira parte a equipa de Jorge Jesus decidiu praticamente o encontro. Entrou forte e, chegou ao 3-0 com alguma facilidade. A saída de Carlos Martins mexeu com a equipa. Foi um bom regresso do médio Português, assistiu para o primeiro e marcou o segundo, através de um bom remate, uma das suas imagens de marca. David Luiz e Cardozo, também estiveram em bom plano.

 

No segundo tempo o Paços melhorou bastante, foi uma equipa mais perigosa, criou sempre alguns problemas na defensiva encarnada. Passou a ser uma equipa mais esforçada e com outra atitude. Só que por essa altura já era um pouco tarde. Jogava-se mal e sobre chuva intensa. Se o objectivo do Benfica no segundo tempo foi controlar e dominar o jogo, não o conseguiu. O Paços também não teve arte nem engenho para fazer melhor.

 

O golo foi um prémio justo pela entrega dos jogadores da casa. Continuo a não perceber o porquê de deixar no banco um jogador como Cristiano, um quebra cabeças para qualquer defesa. Enfim, são aquelas opções tácticas que por vezes custam a compreender. O Paços tinha a par do Porto, uma das melhores defesas da prova. Os erros da linha defensiva da formação de Paulo Sérgio também foram decisivos na vitória encarnada. Os castores continua sem vencer na Mata Real.

 

tags:

publicado por andre--- às 17:27
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds