Terça-feira, 2 de Fevereiro de 2010

Os outros destaques da Liga - Jornada 17

A União de Leiria continua a surpreender. Venceu de novo e já é quinta. No sábado passado, encontraram-se as duas equipas que tinha subido ao escalão principal do futebol português no final da temporada transacta : o Olhanense, que venceu a Liga Vitalis e o União de Leiria, que ganhou a corrida ao Santa Clara na altura. Os leirienses foram mais matreiros e bateram os algarvios por 2-0. Mas atenção que este resultado foi tudo menos justo. O conjunto de Jorge Costa podia ter conquistado os três pontos se os seus jogadores tivessem sido eficazes, sobretudo no primeiro tempo, onde só deu Olhanense. Na segunda parte o Leiria equilibrou as coisas e aproveitou duas ocasiões para carimbar mais uma vitória. E quem diria que por esta altura em Leiria se fosse pensar em outro objectivo que não o da manutenção. Cheira a Europa para os lados de Leiria. A manutenção essa, está quase certa !!!

 

O Belenenses continua a marcar passo. O lanterna vermelha somou mais um jogo sem vencer e mais uma derrota. Na Figueira da Foz, valeu o golo do francês Godemeche logo aos 17 minutos da primeira parte. A equipa orientada pelo português Toni, debate-se com sérios problemas de motivação. O possível triunfo diante do Porto para a Taça de Portugal, podia ter sido o ponto de partida para uma reviravolta dos azuis do Restelo. A Naval de Augusto Inácio regressou assim aos triunfos depois de duas derrotas fora de portas. Chegou aos 18 pontos e segue tranquila na décima primeira posição. O Belenenses é décimo sexto com apenas 11 pontos. Na próxima jornada a equipa lisboeta recebe o líder Sporting de Braga. Esperam-se ainda mais dificuldades para o Belém.

 

Vitória de Setúbal e Rio Ave protagonizaram o único empate da décima sétima jornada da Liga Sagres. Resultado final : empate a dois golos. Os sadinos perderam uma bela oportunidade para fugirem aos últimos três classificados : Belenenses ; Leixões e Olhanense. Enquanto que o Rio Ave também podia ter alacansado o Marítimo na oitava posição. Além dos quatro golos, o desafio entre as duas formações teve três expulsões. Um dos novos reforços do Vitória : o português Neca, que deixou o futebol grego, estreou-se com um golo de belo efeito. Livre cobrado de forma exemplar, que valeu ao Setúbal um ponto.

 

Na Mata Real, os últimos minutos chegaram e sobraram para que a formação da casa : o Paços de Ferreira, desse inicio à reviravolta no marcador diante da Académica. A perder desde os 48 minutos, os pacenses marcaram dois golos na recta final da partida. Chegaram ao empate aos 84 por Ricardo e já nos descontos completaram a reviravolta ppor intermédio de Romeu Torres. Um autêntico balde água fria para os estudantes. A Académica ocupa o décimo segundo posto com 16 pontos. Menos três que o Paços, que é décimo.

 

A ronda só encerrou ontem à noite no Estádio do Mar com a vitória do Marítmo frente ao Lexões por 2-1. Os insulares regressaram aos triunfos quatro jornadas depois. A equipa de José Mota até entrou a ganhar no desafio. Aos quatro minutos marcou por intermédio de Hugo Morais. Diakité redimiu-se do erro que tinha dado origem ao golo da formação da casa e empatou o jogo na sequência de um pontapé de canto. Ainda na primeira parte tudo se complicou para o Leixões. Cauê foi expulso e cinco minutos depois um dos novos reforços do Marítimo, o brasileiro Kleber (bom jogador) colocou a equipa orientada por Mitchell Van Der Gaag em vantagem. Diakité também foi expulso, no entanto, a sua equipa conseguiu segurar a vantagem.

 

A décima jornada da Liga, foi rica em expulsões. Foram expulsos sete jogadores. Só no Setúbal - Rio Ave três jogadores receberam a ordem de expulsão. Esta foi certamente uma das jornadas mais indisciplinadas.

 

GOLO DA JORNADA

 

Carlos Martins - Benfica

 

Remate forte e colocado do médio encarnado. O seu segundo no jogo. Além de ter sido um golo de belo efeito, foi de extrema importânica por que na altura permitiu ao Benfica aumentar a vantagem de dois golos para o Guimarães.

 

ONZE DA JORNADA

 

Guarda redes - Bracali - Nacional

Defesa esquerdo - Álvaro Pereira - Porto

Defesa direito - Pateiro - Leiria

Defesa central - Rodriguez - Braga

Defesa central - Diego Ângelo - Naval

Médio - Rúben Micael - Porto

Médio - Carlos Martins - Benfica

Médio - Mossoró - Braga

Avançado - Kléber - Marítimo

Avançado - Chidi - Rio Ave

Ponta de lança - Falcao - Porto

tags:

publicado por andre--- às 17:35
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds