Quarta-feira, 30 de Junho de 2010

Mundial 2010 - Oitavos-de-final

JAPÃO - PARAGUAI

 

O Japão - Paraguai foi o segundo jogo dos oitavos-de-final onde as equipas tiveram que recorrer ao prolongamento (insuficiente), o único em que não se registou qualquer golo no tempo regulamentar, e também foi o único que se decidiu no desempate por penalties até ao momento. Na lotaria dos penalties os paraguaios foram mais felizes e venceram por 5-3. Oscar Cardozo, atacante do Benfica, transformou em golo a grande penalidade que apurou a selecção sul americana para os quartos-de-final. Qualquer uma das duas selecções iria fazer história, pois nunca tinha ultrapassado os oitavos. O Paraguai é o próximo adversário da Espanha.

 

ESPANHA - PORTUGAL

 

Foi um jogo de polémicas, e no fim venceu a Espanha. Um golo de David Villa, colocou a " La Furia Roja ", nos quartos de final. O sonho português morria aos pés dos espanhóis. O minuto 63 foi fatal para as aspirações dos " Navegadores ". Uma jogada bem delineada, bem à imagem do carrossel espanhol, permitiu a Villa bater o guardião Eduardo. Se na primeira tentativa o guarda-redes da nossa selecção ainda se agigantou, na segunda nada pôde fazer. A bola acabou mesmo por bater na barra antes de se anichar nas redes. É no golo espanhol, que entra em cena um das polémicas. O tento dos " Nuestro Hermanos ", foi apontado em fora-de-jogo. Uma daquelas irregularidades quase impossíveis de detectar no momento de decidir. Uma das outras polémicas, surge ainda antes do golo. Carlos Queiroz, seleccionador nacional, decide retirar do jogo Hugo Almeida (a única referência na zona central do ataque português), e colocar em campo o jogador do Zenit, Danny. Este foi um erro gigantesco. Hugo Almeida tinha sido até então, um dos jogadores mais influentes da equipa. Sempre que Portugal criou embaraços na defensiva espanhola, Hugo Almeida esteve lá. Deu muita luta aos centrais adversários. Depois da sua saída, o ataque português estagnou quase por completo. Curioso, ou não, foi o facto de Portugal ter ficado largos minutos sem chegar à baliza de Casillas depois desta substituição. Queiroz errou antes e durante o jogo. Não devia ter lançado Ricardo Costa (não é jogador de selecção) e Pepe de início. A última das polémicas incluiu o capitão Ronaldo. Quando confrontado com os jornalistas, sobre a eliminação portuguesa, respondeu da seguinte maneira : " falem com o Carlos Queiroz ". Atitude lamentável. Perder a braçadeira será sempre muito pouco. Esta não é a atitude mais correcta por parte de um profissional que ostenta a braçadeira de capitão. Está a colocar em causa a autoridade do seu treinador. E, isso, é inadmissível.

tags:

publicado por andre--- às 19:52
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds