Domingo, 4 de Julho de 2010

Mundial 2010 - Quartos-de-final

ALEMANHA - ARGENTINA

 

Se ainda restavam dúvidas quanto ao verdadeiro potencial de Diego Armando Maradona como treinador, ficaram totalmente desfeitas antes, durante, e claro, depois de um dos jogos mais aguardados dos oitavos-de-final do Campeonato do Mundo : o Alemanha - Argentina. O resultado tão desnivelado (4-0) foi surpreendente, mas da forma que a " Albiceleste " jogava, com demasiados atacantes e poucos médios, o mais evidente era que os alemães saíssem vencedores daquele confronto.

 

Na minha opinião, aquela derrota foi de Maradona. Hoje em dia é praticamente impossível vencer um jogo com apenas um médio em campo. Foi uma loucura absoluta colocar em campo apenas e só Mascherano. Quando por exemplo os germânicos colocavam unidades na linha média : Khedira, Bastian e Ozil. Veron devia ter entrado de início. Se o tempo recuasse, Maradona nem pensaria duas vezes. Aquele onze inicial foi uma asneirada tremenda.

 

Eu andei desde do início da competição, a dizer que a Argentina não podia jogar daquela forma. Poder, podia, mas não devia. No primeiro jogo (Nigéria), a selecção das " Pampas " também foi bastante ofensiva, mas pelo menos colocou duas pedras no meio : Mascherano/Veron. Nos últimos quatro jogos Diego decidiu desfazer a dupla. Frente a selecções do mesmo nível, as diferenças são sempre mais evidentes. Como foi o caso diante dos alemães. O que só demonstrou o que já se imaginava : como treinador, Maradona ainda não está preparado.

 

 

ESPANHA - PARAGUAI

 

A " Furia Roja " fez história diante do Paraguai. Pela primeira vez, os espanhóis atingiram as meias-finais de um Mundial de futebol. Para trás, ficou o trauma dos " quartos-de-final ". Um golo solitário de um dos novos reforços do Barça (David Villa), foi suficiente para a equipa liderada por Vicente Del Bosque seguir em frente. Villa isolou-se na lista dos marcadores com cinco golos em outros tantos jogos. O jogo ficou ainda marcado pelo golo mal anulado ao Paraguai ainda no primeiro tempo, e pelas duas grandes penalidades que não foram convertidas em golo (ambas na segunda parte).

 

Como em muitos outros jogos, a história deste Espanha - Paraguai podia ter sido diferente. Oscar Cardozo, que no jogo anterior, tinha cobrado a grande penalidade decisiva, que colocou o Paraguai nos quartos-de-final, não foi tão eficaz diante a Espanha, permitindo a Casillas a defesa. O próprio Cardozo tinha sofrido a falta dentro da área que originou a penalidade. Na jogada seguinte, foi a Espanha a conquistar um penalty. Na primeira tentativa Xabi Alonso fez golo. O árbitro entendeu que antes do remate entraram jogadores dentro da área, e mandou repetir.

 

Na segunda tentativa o jogador do Real Madrid desperdiçou, tal como Cardozo, permitiu a defesa a Villar (joga em Espanha). A sete minutos dos 90, Villa (Maravilha) decidiu. A bola embateu por três vezes nos postes antes de entrar. Primeiro foi Pedro que rematou ao poste esquerdo. Na recarga Villa tentou tanto colocar a bola sobre o lado direito que esta esbarrou de novo no poste, acabando por bater de novo no outro, até que acabou mesmo por entrar. Confesso que gostava de ver uma final : Espanha - Holanda. Gostava de ver uma selecção que ainda não tivesse ganho um campeonato do Mundo a sair vitoriosa. No entanto, confesso que se tivesse de escolher entre a Espanha ou a Holanda, escolheria a Espanha. Futebol de encher o olho.

tags:

publicado por andre--- às 16:55
link do post | favorito
Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds