Quarta-feira, 1 de Abril de 2009

Seleccao nacional regressa as vitorias

Portugal regressou as vitorias, depois de ter batido, a selecção da África do sul por 2-0, em jogo de carácter particular, disputado em Lausana na suíça, dois golos marcados de pontape de canto, o primeiro por bruno alves, e o segundo pelo estreante edinho, jogador do aek de Atenas, chegaram para garantir uma vitoria tranquila.

 

Depois do desaire de sábado, no estádio do dragão, Portugal regressou aos golos, e aos triunfos, frente a uma selecção, que terá de fazer muito mais, se quiser deixar boa impressão no seu mundial, portugal para vencer nem precisou de se esforcar muito, dois lances chegaram para matar o jogo.

 

Carlos queiroz aproveitou o particular, para estrear três novos jogadores, com a camisola nacional, dois laterais, nelson e goncalo brandao, e ainda o avançado que actua na Grécia, edinho, nelson actuou no lado direito da defesa, goncalo brandao no lado esquerdo.

 

Alem das três estreias, o técnico nacional, optou também por deixar no banco de suplentes, quatro titulares em relação ao jogo frente ah suecia, meireles, tiago, simao, e ronaldo, no segundo tempo entraram todos.

 

Aos quatro minutos de jogo, Portugal já vencia a selecção africana, bruno alves abriu o marcador de cabeça, depois de um pontapé de canto, Portugal entrou a todo o gás no desafio, mas depois de ter chegado ao golo, tirou o pé do acelerador, e o jogo entrou numa fase lenta e sem grande interesse, praticamente foi assim ate ao apito final.

 

Aos 56 minutos, o segundo golo de Portugal, novamente de um pontapé de canto, ficou a duvida se o golo teria sido do jogador português, ou do jogador sul africano, no flash interview, edinho fez questão de dizer que tinha sido ele a desviar a bola, para o fundo das redes.

 

Portugal venceu, mas encontrou pela frente um adversário, que nunca foi capaz de responder ah altura, o técnico brasileiro joel santana, tem muito trabalho pela frente, se quiser que a sua selecção deixe uma boa imagem no mundial do próximo ano, já os jogadores portugueses, podiam e deviam ter se esforçado um pouco mais, porque se não, este tipo de jogos, não faz qualquer sentido.

 

tags:

publicado por andre--- às 17:46
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Desertor - com ou sem raz...

. Witsel é um luxo

. Um olhar sobre os candida...

. Fará Luisão assim tanta f...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Liga Europa - O adversári...

. Um ponto final na maldiçã...

. Liverpool no caminho do B...

. Só resta a Taça da Liga

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds