Segunda-feira, 10 de Maio de 2010

Benfica é o novo Campeão Nacional !!!

OS ENCARNADOS CONQUISTARAM O SEU 32º TÍTULO

 

LIGA SAGRES - 30ª JORNADA

 

BENFICA - RIO AVE

 

O Benfica é o novo Campeão Nacional. Um triunfo caseiro sobre o Rio Ave sem Fábio Faria, (reduzido a dez, desde os 10 minutos) por 2-1 (bis de Cardozo), consagrou a melhor equipa da competição. Na Choupana, o Nacional impôs um empate a um golo ao Sporting de Braga. Cinco anos depois da última conquista, o país voltou a vestir-se de vermelho e saiu à rua para festejar mais um título de Campeão Nacional (o trigésimo segundo). Na capital, a euforia foi até às tantas da madrugada. 

 

Á terceira foi de vez. Podia ter sido na vigésima oitava ou na vigésima nona. Mas não foi. Tal como há cinco anos atrás, parecia estar destinado a ser na derradeira e decisiva jornada. Na 28ª, o Braga fez a desfeita, após um triunfo na Figueira da Foz. Adiando a conquista. Na penúltima ronda, foi o Porto quem não permitiu a festa no seu recinto, e aplicou a segunda derrota ao Benfica nesta Liga. Na trigésima e última jornada, em pleno Estádio da Luz a transbordar pelas costuras, o Benfica sagrou-se mesmo Campeão.

 

A equipa de Jorge Jesus até nem precisava de vencer, um simples empate chegava, fosse qual fosse o resultado do Sporting de Braga na Choupana diante do Nacional. Óscar Cardozo bisou frente ao Rio Ave, e a equipa de Jorge Jesus venceu por 2-1, conquistando desta forma, o título (grande objectivo da temporada) que lhe fugia desde 2005. O paraguaio juntou o útil ao agradável. Deu os três pontos à sua equipa, e acabou também por se sagrar o melhor marcador da prova com 26 golos, mais um que Falcao do Porto.

 

A Luz ainda apanhou um pequeno susto, assim que o Rio Ave igualou o desafio. Jogava-se o minuto 71, quando Ricardo Chaves bateu Quim de cabeça, na sequência de um lance de bola parada. Os nervos tomaram conta da plateia durante alguns minutos. Até que aos 78, também numa bola parada, Cardozo bisava e tranquilizava não só a Luz, mas um país inteiro. O Benfica colocava-se de novo em vantagem. Quando um empate era suficiente para dar início à festa. Na Madeira mantinha-se o empate. O Braga perdia a esperança. A Luz começava a cheirar o título. Começava a contagem decrescente. Os adeptos não eram capazes de esconder a impaciência. Faltava pouco, muito pouco, para a festa de arromba.

 

A história do último jogo dos encarnados na Liga Sagres 09/10, é curta. O Benfica entrou forte no jogo, algo habitual no decorrer da temporada. Marcou bastante cedo. O cronómetro marcava apenas e só " três minutos ", quando Cardozo com a biqueira da bota, apontou o seu vigésimo quinto golo na Liga, o primeiro frente ao Rio Ave. Aos dez minutos, uma ingenuidade do brasileiro do Rio Ave, Wires, deixava a formação de Vila do Conde reduzida a dez unidades.

 

Uma falta dura sobre Ramires, vinha complicar ainda mais a tarefa do conjunto de Carlos Brito. O Benfica continuou a carregar sobre os vila-condenses. E, até final da primeira parte, foram inúmeras as ocasiões de golos desperdiçadas pelos encarnados. Algumas delas clarividentes. A equipa da Luz, podia mesmo ter recolhido às cabines com a partida quase resolvida. O Rio Ave incomodou Quim duas ou três vezes, numa delas podia marcado.

 

Na segunda parte, o Benfica continuou a apostar no ataque. A equipa estava em vantagem no marcador, mas não chegava, Jesus quer sempre mais. Uma das imagens de marca do técnico que se sagrou campeão nacional após vinte anos de carreira. Os falhanços iam sucedendo. Se bem que na segunda metade, a equipa foi acusando alguma ansiedade. E, com o golo do Rio Ave, surgiram os primeiros sinais de nervosismo. Nas poucas vezes que foi lá acima, o Rio Ave marcou e gelou milhares nas bancadas, e milhões por esse país a fora.

 

A resposta não tardou muito. Canto na esquerda, cabeceamento de Airton, corte da defesa do Rio Ave. Corte esse, direitinho para o pé direito de Cardozo. O paraguaio marcava o seu segundo golo da tarde, o 26º da competição. Estava tudo decidido. O Benfica era campeão cinco anos depois. Cardozo era o rei dos marcadores com 26 golos, mais um que Falcao, que também tinha bisado em Leiria. A Liga Sagres versão 09/10 já lá vai : PARABÉNS AO BENFICA, QUE FOI UM JUSTO CAMPEÃO !!! Venha de lá o Mundial da África do Sul !!!

tags:

publicado por andre--- às 17:30
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Benfica é o novo Campeão ...

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds