Sexta-feira, 20 de Novembro de 2009

O novo diamante do Marítimo

Chama-se Djalma, tem 22 anos e é angolano. O seu primeiro clube em Portugal foi o Alverca, na temporada 04/05. Na época seguinte mudou se para a Madeira para representar o Marítimo. Depois de dois anos no Marítimo B, mudou se para o plantel principal da formação insular. Se nas épocas anteriores começou a dar nas vistas, esta temporada parece estar a confirmar o seu potencial, e todo o seu talento.Tem espalhado classe e magia pelos relvados da Liga Sagres.

 

Djalma, internacional pelo seu país, é claramente um dos vários jovens promissores do nosso campeonato. Tem mostrado ao longo da sua curta carreira, que terá um futuro risonho pela frente e, com esta idade, terá certamente margem de progressão. Pode ainda evoluir nos principais aspectos do jogo, como se costuma dizer na gíria futebolística, é um diamante por lapidar.

 

O angolano tem 1,75 m logo, o jogo aéreo não é, nem nunca foi, um dos seus principais atríbutos. Também não é um jogador robusto ou possante, as suas qualidades físicas não espantam. Mas, é um jogador rápido, tecnicista, com uma técnica acima da média. É quando alia a técnica à velocidade, que encontramos a sua imagem de marca. No ultimo terço do terreno, é daqueles jogadores capazes de explodir, e só parar depois de já ter introduzido a bola na baliza adversária, ou já ter causado estragos na defensiva contrária. 

 

É aquele tipo de jogador que se movimenta com grande facilidade, baralhando por completo as marcações. Djalma não é um matador, embora saiba finalizar com grande categoria. É mais um jogador que deve jogar solto, nas costas de um ponta de lança fixo, ou para se encostar a uma das faixas. E tirar partido das suas boas qualidades, que são elas : a velocidade e a técnica.

 

Esta época tem sido um dos jogadores mais influentes da equipa do Marítimo. Uma das peças fulcrais da frente de ataque da equipa liderada pelo Holandês Van Der Gaag. A manobra atacante da equipa sem Djalma não é mesma. A equipa parece já não saber viver sem o angolano. Em 10 jornadas disputadas, não falhou qualquer partida na Liga. É um dos totalistas dos insulares e já leva 3 golos apontados. Figura na tabela dos melhores marcadores da prova. Valores que dizem muito sobre a importância do jogador.

 

Aos 22 anos, Djalma aproxima-se daquela que será a fase decisiva da sua carreira. A transição de jovem promessa, para um valor seguro do futebol, e ai muitos jogadores não têm conseguido estar à altura. Ou destaca se, e tem claramente capacidades para tal, ou então será mais um jogador entre tantos outros. Só o tempo dirá. Com dez jornadas disputadas, não tenho dúvidas quanto ao seu potencial e, em reconhecer que faz parte daquela lista de jogadores que vale a pena seguir com muita atenção. E destacar sempre que possível. Djalma é seguramente o novo diamante do Marítimo. 

 

tags:

publicado por andre--- às 17:39
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O novo diamante do Maríti...

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

origem
SAPO Blogs

.subscrever feeds